Dicas da MPD

Saiba como integrar seu espaço gourmet a outros ambientes da casa

Veja algumas dicas para usar cores, materiais, móveis e outros elementos a favor da integração dos espaços.

Cada vez mais comum nos empreendimentos residenciais, o espaço gourmet, projetado para cozinhar e receber, ou mesmo para a convivência de quem mora na mesma casa, vem ganhando ainda mais espaço no coração e no dia a dia das famílias. Com isso, vem também a tendência de integrar esse lugar tão especial com o restante da casa, principalmente com a sala e a cozinha. Isso passa a sensação de ambientes mais amplos, favorece a interação entre as pessoas e pode tornar a utilização do espaço gourmet ainda mais prática. Veja algumas dicas para acertar nessa integração.

Iguale o piso

Em muitos apartamentos, a varanda, onde frequentemente está localizado o espaço gourmet, tem o piso mais rebaixado, o que aumenta a sensação de cômodos separados. Usar o mesmo piso nos dois ambientes e deixá-lo no mesmo nível ajuda bastante a dar percepção de espaços integrados. Como a varanda está sujeita a pegar chuva, o ideal é que o piso escolhido seja próprio para áreas molhadas, como os porcelanatos.  

Use os móveis como divisores

Integrar ambientes não significa transformar todos os cômodos em um só, e os móveis são importantes aliados na hora de delimitar os espaços. Um sofá, um aparador ou uma estante, por exemplo, podem demarcar os limites entre a sala e o espaço gourmet permitindo ainda a integração visual e a interação entre pessoas que estão em cômodos diferentes.

Apoie-se na paleta de cores

Um truque infalível para criar a impressão de integração é usar a mesma paleta de cores nos dois ambientes. O uso das mesmas tonalidades e materiais passa a ideia de continuidade, mesmo que os espaços tenham limitações físicas ou estejam distantes. Para que isso não resulte em uma decoração monótona ou muito carregada, invista em uma paleta que combine tons neutros e outros mais fortes, usando os primeiros nos móveis e revestimentos e os últimos em detalhes, como almofadas e objetos decorativos.

Se puder, remova as paredes e portas

É claro que a retirada de paredes e portas ajuda na integração dos ambientes. Porém, isso nem sempre é possível por questões estruturais ou mesmo permitido pelo condomínio por motivos estéticos, principalmente quando se fala da divisão entre a sala e a varanda gourmet em um apartamento, uma vez que esse tipo de mudança pode interferir na fachada do edifício. Mas, quando a mudança for permitida, tende a ampliar os espaços e favorecer a integração. Para que os ambientes não fiquem abertos demais, uma dica é substituir as paredes ou portas sólidas por divisórias de vidro ou vazadas, que mantêm a integração visual.

Veja mais conteúdos sobre decoração no blog da MPD

Gostou deste conteúdo e quer ler mais dicas de decoração e design para aplicar na sua casa? Acompanhe o nosso blog, estamos sempre postando novidades por lá.

Posts Relacionados
Dicas da MPD

A elegância e a versatilidade da luminária Arco

Dicas da MPD

5 acessórios que todo enófilo deve ter

Dicas da MPD

Conheça e encante-se com os sabores e aromas dos vinhos chilenos

Dicas da MPD

Confira algumas dicas para combinar suas refeições com o vinho perfeito

FIQUE POR DENTRO DAS NOTÍCIAS DA MPD

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *