Instituto MPD

CanteiroTECA: inclusão por meio da leitura

Os livros são uma das ferramentas mais importantes da alfabetização tanto de crianças quanto de adultos, gerando grandes benefícios no desenvolvimento do indivíduo. Pensando em criar um ambiente lúdico e mais inclusivo para os beneficiados do Construindo Letras, o Instituto MPD criou a CanteiroTECA. Conheça mais sobre o projeto:

A educação é um pilar fundamental no desenvolvimento pessoal, profissional e cultural de qualquer pessoa, criando oportunidades e permitindo a inclusão social em diversos âmbitos.  Mas para que a educação seja efetiva, é preciso um programa de alfabetização eficaz, afinal, além de ser um direito de todo cidadão, é a partir dela que começamos a ler, escrever, entender o mundo das linguagens e o mundo no nosso entorno. Reflete também na sua capacidade de se relacionar, interpretar informações, lidar com suas próprias emoções, tomar decisões com senso crítico, entre tantos outros benefícios.

No Brasil, muitas pessoas não têm acesso a esse direito. Segundo a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (Pnad Contínua) de 2017, 7% da população com 15 anos ou mais é considerada analfabeta, isso representa 11,5 milhões de pessoas. Outro triste dado é que 34% das crianças brasileiras chegam ao final do ensino fundamental sem ler ou escrever adequadamente, de acordo com dados da Avaliação Nacional de Alfabetização (ANA).

No ramo da construção civil, percebemos que uma grande parte dos  trabalhadores não tiveram oportunidades de estudo, qualificação ou especialização. Muitos deles nem mesmo conseguiram concluir o ensino fundamental e outros, mal conseguem ler e escrever.

Pensando em fornecer esses subsídios e melhorar a qualidade de vida dos colaboradores e de outras pessoas da comunidade, o Instituto MPD criou o programa Construindo Letras: uma oportunidade de melhorar as condições daqueles que tiveram seus estudos interrompidos, proporcionando o acesso à informação de maneira integrada, além de oferecer experiencias culturais por meio da alfabetização e dos ensinos do fundamental I e II. 

 

O Construindo Letras

Com a construção de salas de aula em seus canteiros de obra, o Instituto MPD oferece cursos de alfabetização, fundamental I e II em parceria com uma empresa especializada que disponibiliza professores capacitados, com certificação do MEC, para o ensino e a assistência dos alunos. Além desses professores, os colaboradores voluntários da MPD atuam como auxiliares de classe no processo de adaptação promovendo suporte para aprendizagem e melhor rendimento de cada um, evitando a evasão. 

A coordenadora do projeto, Sandra Barboza, conta que o objetivo é integrar os colaboradores e fornecer qualidade de vida abrindo o caminho para possibilidades transformadoras: “Nós queremos que eles consigam chegar até o final do curso, que se sintam realizados, que consigam essa vitória. Essas pessoas trabalham pesado, é um trabalho duro, nós sabemos o quanto isso é difícil e precisa de muita motivação.”

 

A CanteiroTECA

Dentro do Construindo Letras, existe a CanteiroTECA, uma biblioteca com diversos livros, gibis, revistas e jornais. A ideia surgiu após a discussão de novos projetos na área de educação. “Entendemos que a capacidade da leitura de ensinar de forma mais lúdica diversas competências da linguagem como a escrita, a gramática e a interpretação, faz com que o aluno não perceba que está aprendendo enquanto se distrai.” comenta Sandra.

Afinal, estar diante de uma grande pilha de livros é intimidador para quem não tem o hábito de ler ou simplesmente não possui acesso à leitura. Por esse motivo, foi preciso buscar maneiras de incentivar a leitura fácil e rápida, que se enquadrassem na realidade dos trabalhadores, a começar pelo nome que une a ideia de biblioteca a de um canteiro de obra.  

Para a construção do acervo da CanteiroTECA foram arrecadados diversos livros por meio de doações. Outro cuidado foi em relação a seleção do material: foram solicitadas doações de livros pequenos e de fácil leitura, como gibis e revistas, e conteúdos com assuntos que estão presentes na vida dos trabalhadores – como esportes e entretenimento – a fim de despertar o gosto pela leitura.

A primeira CanteiroTECA foi inaugurada este mês e está localizada em Santana de Parnaíba, em um dos canteiros de obras da MPD. O espaço possui a área da sala de aula, voltado para alfabetização e ensinos fundamental I e II. Junto à ela foi implantada uma mini lan-house. Dois computadores estão disponíveis com acesso à internet para promover a inclusão digital. 

 

O impacto na vida das pessoas

Mais do que promover a realização pessoal, o programa proporciona qualidade de vida aos colaboradores e traz benefícios múltiplos para a comunidade, que se empodera de recursos para a promoção de um trabalho ainda mais qualificado. 

E, além desses impactos, os beneficiados se sentem parte da sociedade, tendo acesso à informação e ao conhecimento, conquistando inúmeras realizações que vão além do âmbito profissional. 

Com isso, garantimos o desenvolvimento de uma sociedade mais justa e inclusiva, em que todos são parte de um sistema colaborativo contribuindo positivamente com centenas de famílias. 

Posts Relacionados
Instituto MPD

Instituto MPD promove Outubro Rosa beneficente

Instituto MPD

Construindo o futuro: conheça o Instituto MPD

Instituto MPD

Doação de cobertores

Instituto MPD

Doação de cestas básicas em São Pedro

FIQUE POR DENTRO DAS NOTÍCIAS DA MPD

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *