Seu Imóvel

A MPD reuniu 4 dicas para a sua mudança residencial

Separar os itens de cada cômodo, contar com uma empresa especializada e se desfazer do que não tem mais utilidade são algumas ações que podem tornar sua mudança muito mais simples

Mudar de casa é um momento único. Normalmente estamos animados por iniciar uma outra fase de vida, dar espaço para um recomeço e arrumar o novo lar do nosso jeito. Mas, ao mesmo tempo, a mudança é um processo bastante trabalhoso, mas que, se bem organizado e planejado, deve ocorrer sem nenhum problema. 

Veja abaixo algumas dicas que a MPD preparou para que você possa passar pelo momento da mudança sem dor de cabeça e curtir o quanto antes a casa nova.

  1. Desapegue

As mudanças são excelentes momentos para fazer uma verdadeira limpeza nos seus pertences. Isso inclui tudo: desde roupas e sapatos que não são mais usados até eletrônicos e outros objetos antigos que ficaram guardados no fundo de algum armário. Deixando de lado o que não usa mais, você terá menos itens para transportar e mais espaço na casa nova para o que será realmente útil. O que não for levar, você pode doar para alguma instituição beneficente. Existem algumas, como o Exército da Salvação, que, inclusive, retiram as doações em casa. Basta agendar a coleta por telefone ou pelo site da entidade.

  1. Organize bem as suas caixas

Embale os itens de cada cômodo em caixas próprias, sem misturar, e escreva em cada uma delas o que tem dentro. Isso vai facilitar muito a sua vida na hora de desempacotar tudo na casa nova. Também é aconselhável deixar separados os objetos que você vai precisar logo que chegar ao destino, como os principais utensílios de cozinha, produtos de higiene e roupa de banho e cama. Se você vai trabalhar ou tem algum outro compromisso no dia seguinte da mudança, uma boa dica é separar a roupa que vai usar para não demorar demais procurando as peças certas pela manhã.

Você pode adquirir caixas de papelão com a transportadora, mas, para cuidar do meio ambiente e do seu bolso, uma boa alternativa é pegar caixas em bom estado no supermercado.

  1. Busque uma empresa especializada

Contratar um serviço de frete simples, como um carreto, pode ser o famoso “barato que sai caro”. Vale fazer o investimento em uma empresa especializada em mudanças, pois, além da expertise necessária para esse trabalho, elas costumam oferecer ao cliente a opção de contratar seguro em caso de sinistro.

  1. Peça transferência ou desligamento de serviços

Informe a mudança de endereço às empresas prestadoras de serviços como água, luz, gás, telefone, internet e TV a cabo e peça o cancelamento ou transferência para a nova residência. Também não esqueça de alterar o seu endereço de correspondência em serviços como bancos e assinaturas de jornais e revistas.

Procurando um novo lar?

Agora que você já tem as principais dicas para fazer uma boa mudança, que tal procurar o seu próximo lar? A MPD tem empreendimentos residenciais e de escritórios dos mais diversos estilos. Conheça as opções em nosso site e descubra qual delas tem mais a ver com você.

Posts Relacionados
Seu Imóvel

Financiamento sem mistério

Seu ImóvelSobre a MPD

Tecnologia traz mais agilidade e sustentabilidade à assinatura de escrituras na MPD

Seu Imóvel

8 perguntas – e respostas – sobre financiamento imobiliário

Seu Imóvel

Financiamento imobiliário passo a passo

FIQUE POR DENTRO DAS NOTÍCIAS DA MPD

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *